Oscar 2010 – Os Garotos!

Agora só os meninos, porque a gente merece né!

Antonio Banderas com uma barba e uma esposa de dar medo! rs

Jason Bateman… quem?

Gerard Butler 😀

George Clooney

Matt Damon e esposa. Lindinhos os dois!

Robert Downey Jr… estiloso…

Um passeio rápido pela pediatria com Zac Efron…

…e Taylor Lautner

E voltamos à programação normal com Colin Firth, lindo… aiai

Tom Ford, que se não fosse gay dava pra gente suspirar… aiai

Jake Gyllenhaal

Chris Pine

Keanu Reeves, com uma cara estranha. Tá magro demais!

Ryan Reynolds

Lenny Kravitz

Sam Worthington

Melhores do post?

1º lugar: Colin Firth! s2

2º lugar: Chris Pine

3º lugar: Gerard Butler

Anúncios

Oscar 2010 – Só as mulheres parte II

J.Lo

Rachel McAdams

Helen Mirren

Demi Moore

Carey Mulligan

Sarah Jessica Parker

Queen Latifah

Zoe Saldana

Amanda Seyfried

Kristen Stewart

Charlize Theron

Melhores do post:

1º Lugar: Queen Latifah

2º Lugar: Kristen Stewart

3º Lugar: Amanda Seyfried

Prêmio pelo conjunto da obra: Helen Mirren, chiquérrima sempre!

Oscar 2010 – Só as mulheres

Um pouco atrasado mas ainda está valendo, não?

Elizabeth Banks

Kathryn Bigelow – Grande Vencedora da noite 🙂

Sandra Bullock – Melhor Atriz

Mariah Carey

Miley Cyrus

Cameron Diaz

Vera Farmiga

Tina Fey

Maggie Gyllenhaal

Mariska Hargitay

Anna Kendrick

Diane Kruger

As preferidas desse post? Em primeiríssimo lugar Cameron Diaz!!! Em segundo, honrosamente, Mariska Hargitay e em terceiro, mas não menos importante, Anna Kendrick. 😉

Amor sem Escalas

Dia 12/03 assisti Amor sem Escalas, que valeu a indicação para o Oscar de melhor ator para George Clooney e de melhor atriz coadjuvante para Anna Kendrick.

Anna Kendrick estava uma fofa, e foi responsável pelas partes mais engraçadas e emocionantes do filme.

George Clooney está lindo como sempre mas não sei o que motivou a academia a indicá-lo para o Oscar… Talvez tenham pensado que chegou a hora de premiá-lo pelo conjunto da obra? Enfim… ainda não entendi ou então não entendi o filme.

Em tempo: o final é surpreendente! Vale cada segundo do filme. 🙂