Organizando uma Viagem pra Inglaterra – Parte 4

Como eu contei no último post, nossa viagem passou de 20 para 30 dias quando colocamos na ponta do lápis todos os lugares que gostaríamos de conhecer/rever. No fim das contas, estabelecemos o seguinte: 9 dias em Londres, 5 dias na Lituania, 4 dias em Paris e 10 dias em Plymouth, no interior da Inglaterra. Os dois dias restantes ficaram para o trânsito de ida e volta.

Agora vinha a parte mais dispendiosa da viagem, se pensarmos no gasto único com as passagens.

Após cogitar Air France para já incluirmos aí a parada em Paris, também cogitamos a KLM e a Lufthansa (também com paradas intermediárias nos países de origem dessas empresas) mas ao final acabou ganhando a conveniência de comprar pela Iberia, pois acumula pontos no programa Smiles, da Gol, e poder escolher voos da British Airways, sempre bem avaliada. Assim, em maio/2013 adquirimos as passagens para o trajeto São Paulo – Londres  – São Paulo e começamos a planejar o roteiro dia-a-dia da nossa viagem.

Nesse primeiro momento, o mais importante era garantir a segunda parte mais cara da viagem: passagens para a Lituania e a França e a hospedagem, especialmente na Inglaterra.

Para a França poderíamos ir e voltar de trem mas optamos por fazer um combinado Londres – Lituânia – França – Londres, indo de avião e voltando à Londres por trem.

Escolhemos a RyanAir e a AirBaltic por oferecerem o melhor preço com os melhores horários…

20131005-094500.jpg

A hospedagem foi outra questão importante no nosso planejando já que qualquer hotel básico de Londres tinha diárias para quartos duplos em torno de R$250,00. A Dani já tinha uma dica muito boa: o Easy Hotel. Quartos pequenos minúsculos mas por um preço razoável para o nosso orçamento. Até pesquisamos outras alternativas mas o Easy ganhou de todas, não só pelo preço mas também pela localização.

Em Vilnius, optamos por hostels assim como em Palanga: três diárias em uma cidade e duas na outra por um preço justíssimo! Fizemos a reserva no Booking.com mas sem pagar nada antes. Em posts futuros falo um pouco mais sobre cada um deles.

Em Paris, tentamos combinar preço razoável e boa localização, o que foi quase impossível. Por fim, escolhemos um Ibis Budget próximo a uma estação de metrô e que oferecia um custo benefício dentro do que estávamos preparadas pra pagar.

Com as passagens compradas e os hotéis reservados nossa viagem enfim tomou forma. Em posts futuros pretendo falar um pouco mais de cada hotel em que ficamos, se possível com fotos.

O que eu aprendi nessa etapa do planejamento é a importância de pesquisar e comparar os preços, mudando datas e cidades de partida e chegada, buscando uma opção as vezes não tão central mas perto de uma boa linha do metrô, por exemplo.

Em postagens futuras eu pretendo comentar um pouco mais sobre cada localidade e também sobre os detalhes de deslocamento…

Links desse post:

http://www.iberia.com.br
http://www.airfrance.com
http://www.easyhotel.com
http://www.ryanair.com
http://www.airbaltic.com
http://www.ibisbudget.com
http://www.booking.com

*Esse post faz parte de uma série, publicada às quartas-feiras, sobre como planejamos nossa viagem pra Inglaterra

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s