Dança de Salão

“A dança de salão tem origem nos bailes das cortes reais européias, tomando forma na corte do Rei Luís XIV, na França. É possível que o abraço lateral venha do fato de que, na época, os soldados carregavam a espada no lado esquerdo, como é mostrado nas fotos “O Bailarino” de Caroso. Também era evidente a postura clássica, ereta e com o torso fixo como no balé, que tem a mesma origem.

A forma de dança em casal foi levada pelos colonizadores para as diversas regiões das américas, onde deu origem às muitas variedades à medida que se mesclava às formas populares locais: tango na Argentina, o maxixe, que deu origem ao samba de gafieira, no Brasil, a habanera, que deu origem a diversos ritmos cubanos como a salsa, o bolero, a rumba etc.” Fonte: Wikipedia

A verdade é que toda em que penso em dança de salão me vem à memória o glorioso tango protagonizado por Al Pacino em Perfume de Mulher.

E na quarta-feira, após algumas palavras do Saulo, professor de dança de salão, entendi porque esse tango me fascina tanto.

Segundo ele, para a mulher dançar bem ela precisa se sentir segura nos braços homem, senão não o deixará conduzí-la e o que o personagem do Al Pacino faz?

Transmite toneladas de segurança à mocinha sortuda que se diverte com a dança e se deixa levar pelo momento. Resumindo: sentir segurança nos braços do cavalheiro é fundamental para a dama. (Acho uma lindeza isso: não são pares de dança, são Dama e Cavalheiro…. S2)

Um aviso: tem muita mulher sozinha nas aulas de dança. Meninos, se animem!!!!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s